segunda-feira, 31 de maio de 2021

Coletânea Contemporânea 2021 - Livro em prosa e verso

 


Coletânea Contemporânea 2021 - Livro em prosa e verso, com a participação de escritores e poetas do Brasil. Realização: Câmara Literária de Pomerode/CLIP Mulher. Entre os participantes Valeria Borges da Silveira com a poesia "Inquietudes".




terça-feira, 25 de maio de 2021

quarta-feira, 19 de maio de 2021

"Palavras e Imagens na Criação Poética"

Dia 18 de maio de 2021 - "Palavras e Imagens na Criação Poética" - palestra com Valeria Borges da Silveira. Agradecimentos especiais às Entidades culturais organizadoras e promotoras da Live, bem como a todos envolvidos e a todos participantes!!! Muito obrigada pelo convite!!!



sábado, 15 de maio de 2021

"Mulheres das Letras do Paraná"

Live "Mulheres das Letras do Paraná" durante Primeiro Salão Internacional do Livro e da Cultura de Genebra Cultive - Suíça - Cultive Art Littérature Solidarité - Presidente Valquiria Imperiano Escritor - 14 de maio de 2021 - com participação da Academia Feminina de Letras do Paraná, por meio das acadêmicas Cassia Cassitas (Presidente AFLP) , Lilia Souza , Valeria Borges da Silveira , Adélia Maria Woellner e Kazuco Akamine



sexta-feira, 14 de maio de 2021

Jubileu de Ouro


"A Academia Feminina de Letras do Paraná, por meio das acadêmicas Adélia Maria Woellner, Cassia Cassitas, Kazuco Akamine, Lilia Souza, e Valeria Borges da Silveira, esteve presente em evento cultural na Suiça. Afinal, são 50 anos de muito trabalho, inspiração e cultura!"
AFLP - 2020/2021 - Jubileu de Ouro


quinta-feira, 13 de maio de 2021

"Lapa História e Memórias" entrega no 15 GACAP

13 de maio de 2021 foi feita a entrega de exemplares do livro "Lapa História e Memórias" para o Comandante Camara do 15 GAC AP. Esses exemplares serão destinados aos Colégios Militares.
Esse livro foi publicado em dezembro de 2020 e o projeto do livro é uma parceria do Instituto Histórico e Cultural da Lapa e Prefeitura Municipal da Lapa. Organização: Instituto Histórico e Cultural da Lapa. Idealização: Luiz Carlos Borges da Silveira. Pesquisa e Redação: Rosemery S Bianchini e Valeria Borges da Silveira . Patrocínios: Arauz & Advogados Associados e Grupo Potencial.

quarta-feira, 12 de maio de 2021

"Palavras e Imagens na Criação Poética"

 


Dia 18 de maio de 2021 - palestra "Palavras e Imagens na Criação Poética" (palestrante: Valeria Borges da Silveira ). Realização: Academia Paranaense da Poesia e Academia Feminina de Letras do Paraná. Parcerias: Centro de Letras do Paraná e UBT Seção Curitiba. Convidado especial: Ganso Nogueira .

segunda-feira, 10 de maio de 2021

"Era Uma Vez um Anjo"

 

Participamos da Antologia "Era Uma Vez um Anjo" em 2020 com o texto "Momentos Inesquecíveis Por Amor e Com Amor", cujo lançamento será dia 15 de maio de 2021 às 20 horas no 1° Salon International Du Livre Et De La Culture de Geneve CULTIVE Suisse.
"Momentos Inesquecíveis Por Amor e Com Amor" – autoria: Valeria Borges da Silveira
"Vivenciamos uma crise humanitária, sem precedentes, que em poucos meses assumiu dimensões grandiosas em todo o mundo.
Com a necessidade de nos protegermos, experimentamos novas formas de trabalhar e de nos relacionar.
As ruas das cidades vazias, pessoas isoladas em suas casas – sozinhas e/ou com suas famílias.
Em contrapartida, os contratempos e dificuldades acarretaram mais criatividades, surgindo novas idéias, pessoas compartilhando suas vivências, seus talentos, seus sentimentos... Pessoas mais solidárias, amorosas, realmente voltadas ao bem comum, à preservação da vida e do amor.
É claro que alguns negócios foram interrompidos e embora algumas poucas empresas tiveram um ganho extra, outras perderam dinheiro. Mas é impossível culpar alguém pela perda.
Agora até as atividades comuns se tornaram extraordinárias.
E nesse momento sentimos falta de um simples abraço, de um beijo, de dizer palavras que retratam o verdadeiro sentimento...
Quando tudo isso passar... que passe a noite, que chegue o dia, o sol nasça e traga alegria e paremos de ficar “fechados em nós” dia-a-dia...
É importantíssimo não apenas passarmos pela vida, mas vivermos!
Então mais do que nunca - agora é tempo de reconstruir, de agradecer pelo que temos.
É tempo de amar, dizer uma palavra gentil, fazer um gesto carinhoso!
Não olhemos para trás, Olhemos para frente! Ainda há tempo para apreciar as flores, a natureza... Ainda é tempo de voltar-se para dentro e agradecer pela vida!
E todo amor e relacionamentos só são possíveis porque existe um Deus que é amor.
A graça não depende da existência do sofrimento, mas onde há sofrimento você encontrará a graça de inúmeras maneiras.
“Ontem, Hoje e Amanhã, somos todos um só no rio do tempo. Aqui e ali, é tudo a mesma terra, porque todos os lugares coexistem na mente única”. (Morris West).
Tenho o privilégio e sorte de ter amigos preciosos, flores do meu jardim.
Sempre a minha vida foi e é marcada por pessoas especiais, desde família até maravilhosos amigos, quer em momentos festivos, comemorativos, quer em momentos apreensivos, turbulentos.
E desde sempre em minha vida estão dois anjos, que são meu norte, meu tudo, meus pais!
Agradeço por tudo! Agradeço pelo apoio incondicional, pela palavra sábia, pelo sorriso amigo, pelo abraço carinhoso...
E desde 2003 na minha vida existe um anjo que é a razão de eu persistir, de eu ter perseverança, de eu saber e sentir que o amor tudo vence, que o amor tudo supera, minha amada e linda filha...
Mesmo em momentos ruins, mesmo diante de dificuldades, sempre consigo enxergar além do horizonte, além do arco-iris por ter essa pessoa linda em minha vida...
Deus concedeu essa dádiva de ter esse anjo que ilumina meus passos, que alegra meu ser, que me ensina a viver.
Meu anjo de luz, companheira de todas as horas, minha filha, meu tudo, razão do meu sorriso e dos meus sonhos, o maior significado da minha existência!
Virou meu mundo com esse lindo sorriso! Hoje não existe mais eu, só nós...
Sempre agradeço pelos anjos em minha vida, por existirem, pelo apoio, pela amizade, pelo amor, pela companhia...
Pessoas maravilhosas que oferecem paz e amor, nos momentos felizes e tristes.
E às vezes nos perguntamos porque existem momentos tristes... Devemos agradecer a Deus por todos os momentos felizes e tristes...
O que seria de nossos momentos felizes se não existissem os tristes? Seriam como sol sem chuva, dia sem noite, calor sem frio...
Agradeço a Deus por tantos anjos de minha vida e por me fazerem tão feliz!
Agradeço a Deus pela vida, pela família, pelos amigos, pela saúde e por ter esperança e poder acreditar em dias melhores."

domingo, 9 de maio de 2021

Homenagem da Accur - Academia de Cultura de Curitiba pelo Dia das Mães!

Homenagem da Accur - Academia de Cultura de Curitiba pelo Dia das Mães!

Participação da Presidente da Accur Maria Inês Borges da Silveira e das acadêmicas: Gladys França , Teia Werner , Valeria Borges da Silveira e Adriana Maria Zanetta
Feliz Dia das Mães a todas as famílias!!


sábado, 8 de maio de 2021

Um Mundo Visto Pelo Meu Coração - autoria: Valeria Borges da Silveira

 



Dedico essa singela homenagem a minha mãe e desejo a todas famílias um FELIZ E ABENÇOADO DIA DAS MÃES!
Um Mundo Visto Pelo Meu Coração - autoria: Valeria Borges da Silveira
"No objetivo de buscar o papel da mulher no mundo, o caminho escolhido foi minha vida, vista e analisada pela alma e coração femininos.
Quando criança, já sentia como são diferentes os caminhos das pessoas. Um mundo cheio de cores, alegres e tristes. E eu desejava muito entendê-lo. Minha alma feminina já se manifestava em pequenas coisas. Emocionava-me com facilidade e não raro derramava lágrimas por algo que via ou presenciava.
Minha mãe sempre foi e é rainha naquela casa. E eu... a acho linda... Mãe de três filhos, sempre ocupou em meu coração um lugar que ninguém mais haveria de conquistar. Seguro suas mãos, sabendo que me conduzem por um justo caminho. Sigo seus passos, certos e firmes e admiro-a mais do que nunca.
Não... jamais poderia imaginar a luz que recebi de Minha Mãe. De minha família. Procurava incessantemente meu lugar. Estudava, lia tudo que me passava pelas mãos. Mudei de rumo muitas e muitas vezes, mas sempre a alma feminina, ansiosa, misteriosa e terna, dirigia meus mais importantes momentos.
Estudei, passei a amar a história, a cultura e minha mãe trazia-me uma força traduzida na minha vontade de marcar o meu caminho com flores, muitas flores. Flores com seu aroma, sua mensagem, sua cor, seu sentido, purificando as mãos daqueles que as tocam. Um mundo visto por meu coração.
Nesta fase de minha vida já começava a compreender a importância de ser mulher. Colocar nos corações toda vida emocional que vibra no sangue de cada um. Olhava-me e não identificava mais aquela menina temerosa dos velhos tempos. E os sonhos onde estariam eles? Escondidos em algum canto de meu coração. Mas não estavam perdidos. Acalento-os até hoje e muitos... Muitos realizei...
Tornei-me mãe e minha filha muito me ensina. Aprendi a esquecer, perdoar, não permanecer em queda, pois muito ainda haveria de lutar. Conheci a beleza de ter em meus ombros a tarefa de carregar um ser que muito amo. Trabalho gerando flores, lágrimas que caem numa canção, sorrisos que brotam dos lábios de minha filha.
E minha jornada de vida, de amor, sempre segui com devoção a Deus, Santa Bárbara, Nossa Senhora de Shoenstatt e Madre Paulina, guias de proteção e bênçãos...
Abro então meu coração, entendendo que ser feliz é muito mais. É compreender a verdadeira missão a que nos foi destinada. Trazer ao mundo o toque delicado das mãos femininas, no cuidado, no amor, no trabalho. É dizer não a violência que insiste em se alastrar, é pagar com sorriso a lágrima que insiste em cair... Ser mulher é saber calar e falar com o coração. É poder se comunicar sem nem mesmo usar a palavra. "
MÃE – autoria: Valeria Borges da Silveira
"Mãe é um pouco de tudo,
Um mundo infinito de sentimentos
Num universo governado pelo amor.
Mãe é uma linguagem
Dada por um poder abstrato e subjetivo,
Porém concreto e sentido.
Produzido por um ato de amor,
Gerado em seu ventre,
Amado,
Exalado por todo
O complexo de uma emoção...
Mãe... Você é a reunião de tudo,
A poesia
Que do abstrato ao concreto
Transforma em faculdade prodigiosa,
O “cinza” em cotidiano maravilhoso."

quinta-feira, 6 de maio de 2021

Luiz Carlos Borges da Silveira

 

O médico, político lapeano e diretor do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) Luiz Carlos Borges da Silveira, de 81 anos, é o novo presidente do Conselho Superior dos Amigos do HC, ocupando a vaga deixada por Euclides Scalco, que faleceu em março.
Borges da Silveira foi o quarto presidente da entidade, ocupando o cargo entre 1997 e 1998. Ao lado da esposa, Maria Inês Borges da Silveira, segue contribuindo significativamente com a causa em prol do Hospital de Clínicas.
Ele assume o conselho a pedido do presidente da Associação, Pedro de Paula Filho. “Para nós é uma honra contar com um articulador da influência do Borges da Silveira no comando do nosso conselho, por isso fiz o convite e fiquei muito feliz quando ele aceitou”, conta Pedro. A posse aconteceu durante Assembleia, realizada no dia 30 de abril, e de forma unanime ratificou a eleição.
Borges da Silveira foi eleito deputado federal pelo Paraná para exercer três mandatos e também ocupou o cargo de ministro da saúde do governo Sarney, quando lançou a famosa campanha do Zé Gotinha, no final do ano de 1987.

Curtir
Comentar
Compartilhar